Mediação Comunitária

Apresentação

A Mediação Comunitária de Conflitos é um serviço gratuito oferecido à população através do Centro Judiciário de Solução de Conflitos – Balcão de Justiça (CEJUSC-BJC), fruto da parceria entre o IDC e o Tribunal de Justiça da Bahia. Os atendimentos à população são realizados nos CEJUS-BJC situados nas unidades de Presidente Tancredo Neves e Valença.

 

O Instituto Direito e Cidadania acredita que a mediação é um instrumento transformador, pois não se propõe somente a solucionar o conflito.  Busca ser também um mecanismo libertador, capaz de mudar o indivíduo, capacitando-o para a reflexão dos seus problemas e permitindo-lhe resolver os conflitos com mais competência e autonomia.

Assim, qualquer cidadão que deseja resolver uma questão que envolva causas cíveis de menor complexidade, como pensão alimentícia, divórcio, reconhecimento e dissolução de união estável, reconhecimento espontâneo de paternidade e conflitos entre vizinhos, poderá buscar o atendimento no IDC.

Acreditar que a paz é possível, exige a crença de que um mundo melhor necessita ser construído pelas pessoas, que elas são a base das relações e precisam acreditar no diálogo, respeito, ganho mútuo, nos valores e no seu poder de realizar mudanças.

É com base nessa crença que o Instituto Direito e Cidadania fortalece suas ações na área de Mediação Comunitária de Conflitos, pois acredita que a construção de uma cultura de Direitos Humanos e da convivência social pacífica são basilares para o fortalecimento da Cidadania.


Resultados

Até 2012 contemplou 16.579 atendimentos jurídicos e mediações comunitárias. A partir de 2013 as mediações passaram a ser contabilizadas individualmente, somando até o momento 3.354 mediações.